Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

FECHAR
> Geral / Geral

Publicado em: 20/10/2017 - 07:51:52

Posto de combustíveis é flagrado furtando água

Depois de seis lanchonetes da rede Subway em Campo Grande terem sido autuadas por furtar energia elétrica na terça-feira (17), ontem pela manhã funcionários da Águas Guariroba, concessionária responsável pelos serviços de água e tratamento de esgoto da Capital, flagraram um posto de combustível furtando água.


A fraude foi encontrada no Posto Vitória, na Rua General Bertoldo Klinger, Vila Nossa Senhora das Graças. No local também funciona um lava a jato e uma conveniência,. Todos estavam utilizando água de uma ligação clandestina, feita diretamente na rede pública, sem medidor.


Conforme a empresa, na conta de água o posto apresentava consumo entre 36 e 200 metros cúbicos, bem abaixo do que normalmente um estabelecimento como este consome, que é de 300 metros cúbicos. A polícia foi chamada e o dono do posto, que não teve o nome divulgado, acabou autuado por furto. 


FURTO ENERGIA


Operação da Energisa, concessionária de energia elétrica no Estado, autuou seis lojas da rede de lanchonetes Subway, em Campo Grande.


A  ação, que começou há cerca de um mês, está inspecionando todas as lojas da rede na Capital. Os proprietários dos estabelecimentos flagrados adulterando o consumo serão autuados por furto de energia.


 


(Foto: Divulgação) 


 




 

Correio do Estado/ Camapuã News

Opiniões

0 Comentários para "Posto de combustíveis é flagrado furtando água"

Deixe sua opinião

AVISO: As opiniões são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site camapuanews. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros, ficando seus autores, após identificado o IP, responsáveis civil e penalmente por seus conteúdos.
Nome
E-mail (Não divulgado)
Mensagem
     
+Leia mais notícias

  Matrícula em MS: prazo termina nesta sexta-feira

  Investigação aponta 'encomenda' de morte de corretora

  Biometria deve alcançar metade dos eleitores

+Notícias mais lidas da semana

Policial de CG ganha na Mega-Sena mas não recebe prêmio
A Quina premiou com R$ 10,5 mil.
Família de idoso que morreu no HR pede R$ 3 milhões
Camapuanense morreu após cair de maca.
Mulher quebra o pé ao cair em buraco e quer indenização
Pediu R$ 95 mil à Prefeitura de Campo Grande.
Camapuã: PMs improvisam cobertura com lona em pelotão
Representantes da categoria pediram interdição do local.
Publicidade


2009 © Todos os direitos reservados ao Camapuã News. Este material pode
ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído, desde que citada a fonte.
Marknet®